TRF-1 pagará linha particular e “Bolsa Banda Larga” aos desembargadores

Decisão está prevista em resolução do tribunal. Desembargadores terão direito a R$ 80 para pagamento de linha particular

Metrópoles
04/02/2021

Os desembargadores do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) terão direito a até R$ 80 para pagamento de linha de celular particular e serviço de internet banda larga. Os servidores recebem salário de R$ 35,4 mil.

A decisão está prevista em uma resolução do tribunal, emitida no dia 28 de janeiro, conforme apurou o jornal Valor Econômico. De acordo com o veículo, a norma determina que “o reembolso do valor pago pelo serviço de internet banda larga fixa, para uso profissional, é destinado exclusivamente aos desembargadores federais”.

Para ler a notícia na fonte, clique AQUI.