Reforma administrativa: relator quer avaliação de desempenho para premiar servidor

Deputado Arthur Maia defende que seja um mecanismo para valorizar o bom profissional e não para gerar punições

O Dia – Servidor
29/06/2021

Enquanto a discussão sobre estabilidade de servidores ganha força no âmbito da reforma administrativa (PEC 32), o relator Arthur Maia (DEM-BA) acende mais um debate: a regulamentação da avaliação de desempenho. Para Maia, deve ser um mecanismo para premiar bons profissionais, sem caráter punitivo.

“Temos que premiar o sujeito que desempenha um bom papel. E ao que não desempenha devemos fazer de tudo para recuperá-lo”, declarou ontem o parlamentar em evento virtual promovido pelo Instituto para Reforma das Relações entre Estado e Empresa.

 

Para ler a notícia na fonte, clique AQUI.